• Maria Rita Werneck

MIS traz exposição com fotos de Lennon em NY




Não é difícil encontrar pelas ruas camisetas com essa estampa, não é verdade? Esta talvez seja uma das fotos mais famosas do Beatle e também é um dos registros fotográficos que formam a exposição "John Lennon em Nova York por Bob Gruen", mostra que ficará em cartaz no Museu da Imagem e do Som, de 13/03 à 07/07, como parte das comemorações pelos 50 anos do espaço e 80 anos de Lennon em 2020.


Conhecido como um dos melhores fotógrafos da cena rock Gruen esteve presente em importantes momentos da vida de John enquanto ele morou em Nova York, registrando através de suas lentes a intimidade do artista. Uma dessas passagens foi o primeiro abraço entre Lennon e McCartney depois da separação. Ele estava no apartamento do líder dos Beatles quando o baixista chegou. Infelizmente não deu tempo para registrar. Na verdade, ele respeito aquele momento único entre ambos.


A amizade entre John e Bob começou pouco tempo do astro se mudar para Nova York, em 1971. Além de fotógrafo, Gruen se tornou amigo íntimo, participando de momento especiais como esse citado acima. Suas lentes registraram um novo momento do artista, que agora traçada uma carreira solo na Big Apple tentando minimizar o estigma de ter feito parte da maior banda de rock do mundo. Foi a fase ferrenha do defensor dos direitos humanos, do paizão e esposo - ao lado de Yoko Onu e do filho do casal Sean.


Os últimos momentos de John Lennon foram registrados por Gruen que até hoje se emociona quando lembra da morte prematura do amigo, assassinado em 1980, em frente ao prédio onde morava, por um fã.


Os ingressos já estão à venda: bileto.sympla.com.br.

1 visualização0 comentário
© ROD - Todos os direitos reservados
Canva_yellow.png